Gota
Introdução Tarefa Processo Avaliação Conclusão Créditos

CONSIDERAÇÕES GERAIS

  • O projeto de divulgação deverá abordar os temas listados abaixo, de forma integrada. Ou seja, os pontos devem se conectar.
  • Os pontos não precisam ser abordados na ordem em que se encontra aqui. Esta ordem é apenas ilustrativa.
  • Se necessário, outros temas poderão ser adicionados para deixar a narrativa mais linear e compreensível. 

  

 PONTOS A SEREM ABORDADOS.  

  • Diferença entre hiperuricemia e gota
  • Padrões moleculares, receptores, vias e principais mediadores inflamatórios envolvidos na patogênese da gota
  • Relação entre os aspectos clínicos e os mecanismos inflamatórios da gota
  • Principais marcadores inflamatórios utilizados para avaliar o status inflamatório da  gota
  • Tratamento antiinflamatório e imunomodulador na gota: principais classes, uso, mecanismo de ações, efeitos adversos, farmacocinética
  • Principais lacunas da imunopatogênese da gota que ainda precisam ser compreendidas.

PROPOSTA DE MATERIAL

 

Maiores informações serão dadas na próxima página sobre como estruturar cada modalidade de material.

Vídeo 

  •  O vídeo deve ser entre 15 e 60 min, podendo ser uma apresentação dinâmica, no formato narrativo (feita por um ou mais membros do grupo), um vídeo animado, ou outro, desde que a proposta seja informada com antecedência . Caso seja mais didático, pode-se optar por fazer vários pequenos vídeos. 

 

Texto Jornalistico / Blog

  • O texto deve seguir uma linguagem narrativa jornalística ou de blog (jornalismo científico), com 4 a 10 laudas, em formato ABNT, podendo ter ilustrações ou outros elementos necessários para melhor compressão. 

 

PodCast 

  • Poderá ser feito um ou mais PodCast - de acordo com a necessidade - com tempo de 5 a 15 min. Poderá ser narrado por um ou mais membros. Pode ser no formato de entrevista, informativo, painel, ou outro.

 


© 2010 Todos direitos reservados.