Platelmintos e Nematelmintos
Introdução Tarefa Processo Avaliação Conclusão Créditos

Os animais pertencentes ao filo Platelminto são invertebrados, triblásticos e acelomados. Possuem simetria bilateral e podem ser de vida livre, podendo habitar a terra úmida, a água doce ou o ambiente marinho. Muitos são parasitas e causam doenças nos seres humanos e em outros animais. A solitária é um dos exemplos mais conhecidos de platelminto, termo que significa ‘‘verme’’ (helminto) ‘‘achatado’’ (plato). O corpo é claramente achatado. Como exemplo podemos citar a solitaria ou tênia: um platelminto parasita, o verme adulto pode chegar a 7 m de comprimentos e a Planária: um platelminto de vida livre, de água doce chegando a medir cerca de 1 cm de comprimeto.

 

 

Os animais pertencentes ao filo Nematelmintos são invertebrados, triblásticos e pseudocelomados. A maioria é de vida livre em ambientes terrestres ou aquáticos marinhos e de água doce. Existem algumas espécies que atuam como parasitas de plantas e animais, inclusive o homem. A lombriga é um dos nematelmintos mais conhecidos e também é parasita do intestino do homem, ocorrendo geralmente em grande número no mesmo indivíduo chegando a formar verdadeiras “bolas” de vermes. Ela apresenta claramente a característica que dá nome ao grupo: verme, pois ele é roliço, em forma de ‘‘fio’’ (nema), com as extremidades do corpo afiladas. Neste podemos citar a lombriga: conhecido como parasita e podendo chegar até 35 cm de comprimentos e os nematelmintos de vida livre, espécie marinha medindo menos de 1 mm de comprimento.



© 2010 Todos direitos reservados.