Aplicações financeiras
Introdução Tarefa Processo Avaliação Conclusão Créditos

Qual a melhor forma de guardar o seu dinheiro?

Uma aplicação financeira é um modo de economizar seu dinheiro, e ainda ter uma remuneração extra por isso, o que chamamos de juros.

Imagine que você tenha um certo capital sobrando. O que você faria com ele? Guardaria em baixo do colchão, deixaria em sua conta corrente, ou guardaria seu dinheiro em uma aplicação financeira, que lhe trará rendimentos?

Segundo o Banco Central (BC), existem vários tipos de aplicações financeiras. Os mais comuns são: poupança, CDB, fundos de investimentos. Cada uma destas modalidades oferece rendimentos e prazos diferentes ao investidor.

O que diferencia uma aplicação de outra?

  • Risco: muito baixo, baixo, médio, alto, muito alto;
  • Prazo: As aplicações podem ter prazo  mínimo e/ou máximo para o seu dinheiro ficar aplicado;
  • Taxa de remuneração (juros): Cada tipo de aplicação possui uma forma de cálculo de rentabilidade diferente;
  • Aplicação inicial: Alguns tipos de aplicações financeiras exigem que seja depositado um determinado valor inicialmente.

Como saber em qual aplicação investir?

Existem alguns fatores que é preciso levar em conta na hora de decidir em qual aplicação financeira investir o seu dinheiro.

  • Quanto dinheiro tenho?
  • Por quanto tempo quero deixar esse dinheiro em uma aplicação financeira?
  • Tem alguma possibilidade de eu precisar desse dinheiro no curto prazo?
  • Qual risco estou disposto a correr?

 

 

 


 


© 2010 Todos direitos reservados.