O surgimento dos Metazoários
 Introdução
 Tarefa
 Processo
 Avaliação
 Conclusão
 Créditos
 

Os metazoários são organismos eucarióticos, multicelulares, heterotróficos e sexuados. Na maioria dos casos apresentam capacidade de locomoção podendo ser vertebrados ou não, em seu desenvolvimento Inicial passam por um estágio de blástula. Embora alguns deles tenham se tornado sésseis como esponjas e Corais eles ainda retém larvas vivas em seu ciclo de vida existindo cerca de 29 filos e somente um contém animais que não são invertebrados, os chordata.

 

Em teoria os metazoários teriam se formado a partir de uma colônia flagelada, e isso se daria porque os espermatozoides flagelados ocorrem por todos os metazoa. Embora o volvox seja frequentemente utilizado como possível ancestral Colonial flagelado as evidências ultra-estruturais apontam para os coanócitos gelados um pequeno grupo de protozoários mono flagelados e semelhantes animais. Os coanoflagelados tem como semelhança com os metazoários a mitocôndria e radículas ciliares e também encontra-se coanócitos em vários grupos de animais metazoários como as esponjas. O corpo dos metazoários é constituído por células funcionalmente especializadas dedicada a uma ou mais funções, possuem tamanho bastante superior ao dos protozoários e seus principais tecidos são epitelial e conjuntivo.


© 2010 Todos direitos reservados.