Metazoários: origem e evolução
 Introdução
 Tarefa
 Processo
 Avaliação
 Conclusão
 Créditos
 

Warning: getimagesize(pastas/18028/SEM IMAGEM) [function.getimagesize]: failed to open stream: No such file or directory in /home/webquestfacil/www/introducao.php on line 20

METAZOÁRIOS

DEFINIÇÃO

O grupo dos metazoários abrange todos os animais existentes no planeta, desde um pequeno cavalo marinho até animais de porte maior, como por exemplo os elefantes; bem como aqueles animais que já se extinguiram ao longo de sua história evolutiva. É um grupo extremamente extenso, e por isso está dividido em dois subgrupos: vertebrados e invertebrados.

De modo geral, para ser considerado Metazoa, os organismos precisam ser heterotróficos, móveis e multicelulares. Além do mais, durante seu desenvolvimento embrionário o mesmo precisa passar por um estágio de blástula, ou seja, quando as células do zigoto já se dividiram o bastante para formar um aglomerado de células que começará o processo de diferenciação.

Os Metazoa são bastantes diversos; existem mais de 29 filos, sendo que os mais estudados são: Cnidário; Poríferos ou Esponjas; Platelmintos; Nematelmintos; Moluscos; Anelídeos; Artrópodes; Equinodermas; e os Chordata, o único que contém animais não invertebrados. Portanto, temos que o grupo dos invertebrados inclui 97% de toda espécie animal, exceto os dos vertebrados.


ORIGENS

Os invertebrados simbolizam o início da vida na Terra. Os animais iniciais eram invertebrados, por isso que são mais diversos, afinal, eles tiveram mais tempo para se evoluírem. Grande parte dos cientistas acreditam que teriam surgido nos oceanos, evoluindo para terra.

Em relação a origem dos metazoários, pesquisadores sustentam a teoria mais aceita atualmente, a teoria colonial. Segundo esta teoria, os Metazoa teriam derivado de uma colônia flagelada. Deste modo, os metazoários teriam um ancestral comum a partir de alguns organismos unicelulares, cujas evidências morfológicas apontam para os coanoflagelados. 

Conforme a teoria colonial, outro marco evolutivo em comparação com o metazoário ancestral é que as células somáticas eram diferenciadas das reprodutivas. Quando observado o metazoário inicial (também chamado de blastéia), é possível notar a diferença entre tais células, e como as somáticas se dividem, formando consequentemente um organismos multicelular. 


 

 


© 2010 Todos direitos reservados.